Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Abril, 2017

No mínimo...original!

Pode dar jeito...

Volta de 360º

Tenho dois filhos rapazes, com idades bastantes distintas. Estava habituada ao mais novo, a receber variados elogios dos professores pela dedicação à escola, às matérias mais difíceis em que ele se destacava dos restantes alunos da turma. Sempre foi um rapaz focado, com uma capacidade de concentração que lhe permitia absorver e entender tudo quanto ouvia na sala de aula. Sempre obteve excelentes resultados no final do ano e ficou até no quadro de honra. Porque a escola permeia aqueles que se destacam no saber.  O mais novo já é diferente. Com mais energia, menor capacidade de concentração dentro da sala de aula. O intervalo é todo ocupado a jogar à bola. Na disciplina de desporto é dos que corre mais. Já colecciona umas quantas medalhas, conquistadas nos corta-matos e no futebol. Para ele, participar numa competição significa trazer obrigatoriamente uma medalha. E mesmo que não a traga, sei que competiu com a garra toda. É o desporto que o move. Ainda esta semana me dizia: - Oh Mãe, …

Não há como a vida e as cores do campo

mala#carteira nova

Eu sou uma rapariga muito inteligente, pelo menos é essa a minha opinião o que é mais ou menos a mesma coisa: penso logo sou! Andava aqui a namorar uma mala nova porque já estou fartinha da que me tem acompanhado. Mas lembrei-me que tenho 3 malas giras que uso muito pouco, porque como são pequenas a minha carteira não cabe. São aquelas malitas que me acompanham quando vou para a night, porque levo apenas o essencial e permite-me dançar a noite toda, naqueles saídas de: - deixa-me aproveitar hoje que eu não sei quando vou sair novamente! Adiante! Pensei, pensei, usei a tal minha inteligência acima da média e cheguei à seguinte e brilhante conclusão: porque não comprar uma carteira nova, mais pequena, que caiba nestas minhas malinhas e, além de poupar uns trocos, compro uma coisa nova (sim, sou consumista) e as minhas costas batem palmas porque irão andar menos carregadas, hem? Pronto, é isto! Partilho algumas soluções para quem esta minha brilhante ideia possa também fazer sentido: